Gosto muito de escrever. Não importa o quê.

Ficção, realidade, texto sobre um filme, sobre um livro, sobre uma situação, sobre meus gatos. Enfim, qualquer coisa.

Meus textos são curtos, nunca consegui levá-los à quarta página. Mas não acho que isso seja um defeito, apenas um jeito de lidar com as palavras. Lovecraft nunca escreveu romances, apenas contos.

Pensei em juntar duas paixões, escrever e viajar. Criei pequenos textos — não sei se posso considerá-los contos — sobre cada lugar que visitei. Não foram muitos, mas foram especiais.

São cinco ficções que se passam em cinco cidades. Postarei uma a cada semana.

Photo by Aaron Burden on Unsplash